Perchè tagliarsi si può amare?La stessa cosa.Credimi caro amico, l'amore, il matrimonio, sposarsi...È come un coltello nello stomaco.

Polisipos

Perchè tagliarsi si può amare?La stessa cosa.Credimi caro amico, l'amore, il matrimonio, sposarsi...È come un coltello nello stomaco.

"Quando eu me olho no espelho, eu me sinto um merda. É sério. Acho que poderia ser menos fechado emocionalmente, mais evoluído nessa área. Eu me auto saboto muito, talvez. Eu já perdi muitas pessoas que amo, então acho que sempre que começo a gostar de alguém, entro num processo de sabotagem, para não ir adiante ou não correr o risco de perder mais uma pessoa que gosto."
Danilo Gentili. (via a-mulher)

(Fonte: s-i-m-p-l-i-f-i-c-a-r, via a-mulher)



"Estou naqueles momentos silenciosos em que pouca coisa parece fazer sentido."
Clarice Lispector. (via a-mulher)

(Fonte: docemel, via a-mulher)



"Ah se você soubesse por quantos cantos do mundo pode se viajar dentro de uma única leitura. É capaz fugir da realidade, as vezes isso também contribui para alimentar o seus sonhos e objetivos."
Livros são humanos abrigando inúmeras histórias para contar. (via carcere-privado)


"Não deixe que digam que você não consegue, que você não pode ou que você não é suficiente pra isso, apenas vá e faça, vá e diga, tome atitude e cale a boca de todos que um dia ousaram duvidar de você."
Demografar.     (via carcere-privado)

(Fonte: demografar, via carcere-privado)



"Quem é feliz não conta, não espalha, não grita aos quatro cantos. Quem é feliz, satisfaze-se por ser. E sabe que felicidade anda coladinha na inveja. Quem é feliz não precisa provar nada, simplesmente é. As pessoas felizes demais nunca me passaram confiança. Essa coisa de que a vida é uma festa e não existe nada errado, não me brilha aos olhos. Feliz é quem conhece o lado ruim e o respeita. Feliz é quem já foi infeliz. Somente quem já foi infeliz pode entender que a tristeza traz um punhado muito bom de aprendizados. Felicidade não é sobre quem grita mais alto; É sobre quem sorri mais fundo."
Camila Costa.   (via carcere-privado)

(Fonte: fa1lures, via carcere-privado)



"É tão injusto acharmos que o amor é um problema. O amor é a coisa mais linda e profunda que existe. É tão bom senti-lo e tê-lo. O amor é sincero e intenso, mas ele não se faz presente o tempo todo, este é um problema. O problema é não conseguirmos fazer dele o mais forte e impetuoso, nós deixamos outros sentimentos serem donos de nós, e nem sempre os bons, eis outro problema. Em vez amarmos simplesmente, não. Mas não me diga que o amor é o problema, o problema somos nós, e eles. Eles, aqueles que não sabem dar valor ao amor que ganham."
 Anjo Frágil (via carcere-privado)

(via carcere-privado)



"Estou cansado dessa mesmice do dia a dia, da hipocrisia que nossos semelhantes exalam a cada frase dita mal o dia tendo começado - sendo eu um deles. Por mim eu ficava em casa, deitado em minha cama com uma boa garrafa de algo qualquer para molhar o bico; só não fico porque há de chegar o dia em que a preguiça me roubará os sonhos, a força para realizá-los. Tenho sonhos para concretizar, transformar em metas; sonhos inferiores a fama e fortuna; sonhos pequenos como realização pessoal e felicidade de fim de tarde, à noite, acompanhado, não dormir e acordar ao lado de quem me fez companhia nessa insônia. Deixo minha cama e enfrento esse mundo cheio de calamidades, rodeado por pessoas tão desinteressantes, pois no fundo ainda tenho fé que em meio a tantos humanos, resida um pouco de humanidade. Humanidade de saber respeitar, de entender que estamos abaixo da ordem natural, que uns virão, outros irão, é o normal de se acontecer. Humanidade que os animais parecem conhecer melhor, aquela que faz famílias firmes, nada desses abandonos que se vê nessas caixas coloridas que se tem hoje em dia; seja por qualquer motivo que for. Vou trabalhar, exalar mal humor, soltar sorrisos de vez em quando, em busca de alguém que encontre algo pelo qual lutar por trás desse casmurro que venho me transformando. Visto minha roupa de ser humano dia após dia pois há alguém lá fora que é para meu bico, que é a minha garrafa. Os problemas não se resolverão, sempre cá estiveram, sempre cá estarão, mas a preocupação com o que se tem de errado se amenizará. Vou viver com uma e somente uma pessoa e quando essa garrafa esvaziar-se, não será hora de arranjar outra na esquina por dinheiro, será minha vez de também esvaziar e da cama não levantar novamente. Findarão-se as diversões vazias, as preocupações com uma sociedade que nem me diz respeito, as poesias bêbadas de fim de domingo. Só não findará a consciência de que algo está fora de lugar, não findará a poesia que luta, o engajamento. Alguém há de se tornar a garrafa e assim como eu, dar continuidade ao legado dos tolos. Legado dos que ainda acreditam que há muito a ser explorado, mas que não vivem no tempo em que esse potencial será alcançado."
Charles Bukowski.     (via carcere-privado)

(Fonte: segredou, via carcere-privado)